Distância é diferente de Equilíbrio!

Na 3ª feira comprei sobremesa para comer no jantar com minha mulher. Era um pedaço de bolo de cenoura com cobertura de chocolate de um café fantástico que tem do lado de casa. Fazia meses que não comia esse bolo! Pois bem, minha sobremesa no jantar (não as como no almoço, uma regra pessoal) é 90-95% dos dias uma laranja (uma de minhas frutas favoritas, não há nada de mágico nessa fruta!). Então era um dia “especial”. Isso foi 3ª feira.

Na 4ª feira eu voltava pra casa depois de um treino quando pensei: por que não comprar outro pedaço de bolo? Dessa vez mais simples, em um supermercado do lado de casa de onde eu nunca comprei bolo. A verdade é que eu queria muito um doce de sobremesa. Doce e açúcar são viciantes! Quem estudou história na escola sabe que boa parte da nossa história econômica foi centrada em… plantar e produzir açúcar! É o petróleo que a gente come, que move boa parte da sociedade moderna!

Tenho tremores quando vejo profissional da área da Saúde dizer que açúcar não vicia… eu só penso em bolo desde ontem! Tabaco, álcool, jogo de azar, açúcar, não estão na nossa sociedade há séculos por puro acaso. Você tem que fazer forca para acreditar nisso. Ou fazer malabarismo argumentativo, como faz o profissional que pede equilíbrio. Ele pede equilíbrio com tóxico? Ele pede é distância.

Distância é diferente de equilíbrio

Bom, hoje, 5a feira, é dia que eu dou “tiros” (de corrida). É uma regra antiga que tenho. Não-negociável. Ontem li uma frase no best-seller “12 Regras para a Vida“. Era algo mais ou menos assim (desculpe se ela é famosa e eu não a conhecia):

“(Em um mundo) Sem regras, rapidamente nos tornamos escravos de nossas paixões – e não há nada de libertador nisso.”

O pior profissional de Nutrição que existe é o incompetente que argumenta que a limitação do low-carb (ou da paleolítica) é o fato de ser restritiva. Tudo na Nutrição é restritivo na natureza. Absolutamente TUDO. Ele mesmo não come cogumelos selvagens ou grama (ou talvez até coma). Ele mesmo geralmente pede restrição no consumo de gordura saturada. Ele é desonesto intelectualmente, é ignorante.

Nossa relação com a comida ao longo dos séculos passou da escassez (do açúcar ruim, de beterraba, caro, que custava o salário de 1 mês), para um mundo onde até uma criança pode comprar bolo de cenoura a R$3 a qualquerhora do dia. Você não bebe uísque cowboy logo cedo, mas come tapioca com nutella. Você não faz reunião fumando um cubano, mas faz comendo pão doce e suco. Você não acorda 11h00 todos os dias, mas acha normal comer chocolate diariamente.

Em um mundo de abundância ao qual não estamos acostumados e nem preparados, ou criamos regras rígidas de consumo daquilo que vicia (SIM, açúcar vicia), ou vamos virar escravos da comida. Escravos gordos, hipertensos, diabéticos e doentes.

E não falta profissional de saúde que chame isso de liberdade de consumo.

*não comprei o bolo, saí do Carrefour com 2 laranjas.

**Se você gostou do que leu aqui, estou certo de que vai gostar do que vai encontrar de surpreendente no e-book O Nutricionista Clandestino! (a versão impressa você encontra aqui!)

Anúncios

2 ideias sobre “Distância é diferente de Equilíbrio!

  1. Pingback: Leituras pré-Copa! | Blog Recorrido

  2. Antal Varga

    Balu, malditos bolos !!! Domingo foi aniversário da minha esposa e teve festa junina cheia de quitutes. Voltamos para casa com aquele “tapoé” de bolo, é claro.
    Estava indo tudo muito bem durante a semana até ontem de noite, quando ela lembrou do maldito bolo no “tapoé” que estava escondido na geladeira. Coisa do capiroto.

    Curtir

    Resposta

Deixe um comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s